Relatorio Sustentabilidade - page 56

56
SOBRE ESTE RELATÓRIO / MENSAGEM DO PRESIDENTE / A KEPLER WEBER SEMPRE EVOLUI
/ GERANDO MAIS VALOR /
MELHORANDO A ORGANIZAÇÃO
/ RESULTADOS
RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE
2016
MELHORANDO A ORGANIZAÇÃO
PRESERVAÇÃO E RECUPERAÇÃO
DA BIODIVERSIDADE LOCAL
A Kepler Weber monitora constantemente suas
unidades fabris, situadas em ambientes de
interação com a natureza. Essa convivência
próxima se reflete no respeito dos colaboradores
e da Companhia com a presença de animais
como pássaros, roedores, mamíferos e répteis
no dia a dia de trabalho, parte fundamental do
Plano Permanente de Monitoramento da Fauna
e Flora que, além de preservar as características
da localidade nos limites da propriedade,
procura desenvolver projetos socioambientais
relacionados ao tema.
A unidade de Panambi está localizada em uma
área de mais de 590 mil m², sendo 70 mil m² de
áreaconstruída. Quase54milm² sãodeflorestas,
que abrangem a mata ciliar da parte superior da
bacia do rio Ijuí, e 11,4 mil m² são de jardins ou
áreas arborizadas.
A unidade de Campo Grande está localizada
em uma área de 50 mil m², construída no
Polo Industrial da cidade, sendo uma área
exclusivamente de indústrias, porém situa-se no
Cerrado brasileiro, mata nativa importante para o
nosso bioma.
INICIATIVA DE PRESERVAÇÃO DA
KEPLER WEBER: MATA CILIAR DA
BACIA DO IJUÍ
A mata ciliar é mantida e conservada pela
Companhia tendo seus processos fabris,munidos
de controles operacionais que funcionam como
filtros e controles ambientais, retendo poluentes
esedimentosquepoderiamcausardanosà fauna,
floraecursosd’água. Aexistênciadeumaextensa
faixaverdedematapróximaà fábricadePanambi,
demonstra o equilíbrio dos ecossistemas do seu
entorno.
Como objetivo de gerenciar de forma integrada os
recursosnaturaisdesseambiente, aKeplerWeber
subsidia laudo sobre a biodiversidade existente
na área, monitorando qualquer anormalidade,
bem como contribuindo para a recuperação
e preservação deste ecossistema local. Com
estas boas práticas cria-se oportunidades para o
desenvolvimento e uso sustentável dos recursos
naturais.
PROCEDIMENTO PARA
LICENCIAMENTO AMBIENTAL
Comointuitodecriarregrasparaoestabelecimento
em áreas de interface com a biodiversidade
local, a Kepler Weber criou um procedimento de
Licenciamento Ambiental definindo todos os
aspectos e diretrizes que devem ser cumpridos
para atender os requisitos legais e preservar o
ambiente.
BOSQUE ECOLÓGICO
Por estar situada no Cerrado brasileiro, a
Kepler Weber de Campo Grande tem procurado
desenvolver ações para a recuperação da mata
nativa, utilizando técnicas de restauração. Um
bosque ecológico de 1,2 hectare localizado ao
lado da área de lazer da unidade fabril de Campo
Grandeestárecebendoplantasnativasdocerrado,
que estão no estágio inicial de desenvolvimento.
ENERGIA
GRI G4-DMA: ENERGIA
A energia é um dos principais itens usados no
processo fabril da Companhia, por isso a empresa
procura utilizar fontes de energia renovável
por fornecimento da concessionária de energia
elétrica. EmPanambi, por exemplo, mais de99,5%
do total de 21.773,8 GJ consumido provém desse
tipo de fornecimento. O restante é proveniente
de geradores movido a óleo diesel e usados em
horários de pico ou para cobrir eventuais falhas
de abastecimento. A unidade de Panambi teve em
2016umareduçãodeconsumodeenergiade22%,
embora tenha havido queda, esse porcentual foi
menor do que a redução no volume de produção,
quefoide32%.Issoseexplicaemfunçãodeterum
consumo mínimo, representado pela iluminação
dos ambientes fabris e escritórios, equipamentos
dear condicionado, iluminaçãode áreas externas,
ainda considerando que as máquinas dos
processos fabris não tem o consumo de energia
diretamente proporcional ao volume produzido.
GRI G4-EN3 | G4-EN6
Nas fábricas, houve uma redução nos resultados
de economia de energia, devido a economia de
energia ser medida considerando o consumo
evitado, pois os projetos de eficiência energética
focam na redução de consumo nos demais
processos. Em 2016 houve um menor consumo
geral de energia elétrica, resultando em uma
proporção menor de economia de energia.
GRI G4-
EN5
GRI G4-DMA: BIODIVERSIDADE | G4-EN11 I G4-EN12
1...,46,47,48,49,50,51,52,53,54,55 57,58,59,60,61,62,63,64,65,66,...87
Powered by FlippingBook