2017-Manual Codigo de Etica e Conduta - atualizado - page 14-15

15
14
11 - RELAÇÃO COMGOVERNO E PARTIDOS POLÍTICOS
Contatos com o governo em nome da Empresa, que não sejam relacionados a
vendas, serão coordenados exclusivamente pela Diretoria.
São deveres da gestão e dos colaboradores:
• Respeitar a legislação aplicável e os princípios éticos deste código nas relações
estabelecidas com órgãos públicos em geral;
• Estabelecer relacionamento com autoridades, políticos e agentes públicos
pautado pela ética, profissionalismo e transparência, reportando imediatamente
à Empresa qualquer forma de pressão, oferta ou solicitação por parte de agente
público contrária a estes princípios;
• Não oferecer brindes, presentes ou qualquer espécie de vantagem financeira ou
não, à qualquer agente público ou político, à pessoas a eles relacionadas, em
contrapartida à benefícios particulares ou para a Empresa;
• Não utilizar interposta pessoa física ou jurídica para ocultar ou dissimular interesses
ou a identidade de quem vier a se beneficiar de eventuais atos ilícitos praticados.
Fica expressamente proibido aos colaboradores da KEPLERWEBER em
contratos e licitações com o Poder Público:
• Acordos ou combinações prévias com concorrentes, que tenham por objetivo
fraudar o caráter competitivo do procedimento de licitação estabelecido pela
Lei 8.666/93 e demais normas aplicáveis;
• Fraudar a realização de qualquer licitação ou contrato decorrente, incluindo
práticas que tenham por objetivo afastar concorrentes de forma ilícita, inclusive
pelo oferecimento de qualquer espécie de vantagem;
• Dificultar atividade de investigação ou fiscalização de órgãos, entidades ou
agentes públicos, ou intervir em sua atuação.
Órgãos de arrecadação e de fiscalização
• Recolher corretamente os impostos relativos à legislação vigente;
• Zelar pelo cumprimento da legislação vigente;
• Atender aos órgãos reguladores com transparência e honestidade;
• Produzir de forma completa, legítima, correta e compreensível os relatórios e
documentos enviados à órgãos reguladores.
Agentes públicos e políticos
• Observar e conduzir a relação com agentes públicos e políticos com
transparência, honestidade e integridade.
Processo eleitoral
• Não fazer, exceto com a aprovação formal da Diretoria, contribuições pela Empresa
ou usar seu nome, verba, propriedade, equipamentos ou serviços para apoiar
partidos e iniciativas políticas, no que se inclui qualquer contribuição de valor.
• Consultar o Conselho de Administração antes de tomar decisões sobre o
posicionamento da Empresa no apoio a partidos e candidatos durante o
processo eleitoral;
• Apoiar partidos políticos ou candidatos de forma a não agredir os valores e
princípios da Empresa, nem tampouco a gestão dos negócios;
• Promover ações de apoio a partidos e candidatos que obedeçam rigorosamente
à legislação vigente e a este Código de Ética e Conduta;
• Contribuir financeiramente com partidos e candidatos somente se desvinculada
de qualquer expectativa de retorno econômico e comercial e somente mediante
aprovação formal da Diretoria.
12 - POLÍTICA DE DOAÇÕES
Doações e contribuições de qualquer ordem com recursos da Empresa devem
ser aprovadas previamente e expressamente pela Diretoria, sendo que eventuais
promoções e financiamentos de projetos filantrópicos, culturais, sociais ou
ambientais devem apresentar uma relação clara com o negócio da organização
ou contribuir para o seu valor.
13 - RELACIONAMENTO COMOMEIO AMBIENTE
A Kepler Weber entende que o Meio Ambiente é um bem, de uso comum e
essencial à qualidade de vida e que deve ser preservado para as gerações futuras.
Com base nesse pressuposto, reconhece a necessidade de garantir a mínima
alteração ambiental.
1,2-3,4-5,6-7,8-9,10-11,12-13 16-17,18-19,20-21,22-23,24
Powered by FlippingBook